Mais rápido do mundo: Intel exibe pendrive que utiliza porta Thunderbolt

Entre as várias novidades que a Intel apresentou no decorrer da edição 2013 da feira Computex, chama a atenção o dispositivo que a companhia afirma ser “o pendrive mais rápido do mundo”. Trata-se de um protótipo com 128 GB de capacidade capaz de transferir dados à taxa de até 10 Gb/s, velocidade que equivale a 1,25 gigabytes por segundo.

O “truque” para uma taxa tão elevada está na interface de comunicação do dispositivo: em vez de utilizar a tecnologia USB, tal como acontece com praticamente todos os modelos de pendrive (thumb drive) atuais, o protótipo mostrado pela Intel faz uso de uma porta Thunderbolt, tecnologia que se destaca justamente por trabalhar com transferência de dados à taxa de até 10 gigabits por segundo.

Pendrive baseado em Thunderbolt – Imagem por PCWorld

Pendrive baseado em Thunderbolt – Imagem por PCWorld

Para efeitos comparativos, a tecnologia USB 3.0, tida como principal “rival” do Thunderbolt, é capaz de trabalhar com até 4,8 Gb/s – cerca de 600 megabytes por segundo –, taxa que já é considerada alta. O USB 2.0, que até hoje é o padrão mais popular do mercado, trabalha com até 60 megabytes por segundo.

Infelizmente, não há qualquer indício de que a Intel irá colocar este pendrive no mercado. Tudo indica que, na verdade, o protótipo só foi apresentado para ajudar a promover a tecnologia Thunderbolt: apesar de suas vantagens, há poucos computadores equipados com uma porta do tipo (a maioria, máquinas da Apple), fazendo com que fabricantes tenham pouco interesse em colocar produtos compatíveis no mercado.

Referência: PCWorld.