Governo brasileiro investirá quase R$ 500 milhões no setor de software e startups

TI Maior - Imagem por MCTIO governo federal, por meio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), anunciou nesta segunda-feira (20/08/2012) um programa de incentivo à indústria de software do Brasil: o TI Maior. A iniciativa prevê 486 milhões de reais de investimentos em cerca de 150 empresas no setor até 2015.

O projeto possui objetivos abrangentes, que incluem a criação de uma certificação que facilite a participação de pequenas e médias empresas de software em licitações públicas, aporte de capital em startups (empresas novas, geralmente ligadas à tecnologia, que desenvolvem trabalhos de pesquisa ou inovação) e capacitação de 50 mil profissionais da área.

O governo brasileiro espera fazer com que o programa TI Maior dobre a receita do setor para 200 bilhões de reais no período informado e, considerando os próximos dez anos, gere pelo menos 900 mil empregos relacionados a TI e desenvolvimento de software.

São metas ambiciosas, mas, na visão do MCTI, o Brasil tem grande potencial no setor: nos últimos anos, boa parte das empresas do ramo esteve focada no desenvolvimento de softwares simples; a expectativa é a de que o programa incentive a criação de soluções mais sofisticadas e, portanto, de maior valor agregado.

Referências: Folha de S.Paulo, MCTI.