Distribuição Mandriva Linux agora ficará nas mãos da comunidade

15 Flares 15 Flares ×

A situação da Mandriva, empresa que surgiu depois da fusão entre a francesa Mandrake e a brasileira Conectiva, em 2005, não está nada boa. Enfrentando problemas financeiros e administrativos há meses, a companhia anunciou hoje (18/05/2012) uma decisão que, na prática, pode ser tanto o “início de seu fim” quanto um “renascimento”: a sua distribuição Linux, a partir de agora, ficará nas mãos da comunidade.

Mandriva

O anúncio foi feito no blog da companhia por Jean-Manuel Croset, CEO da Mandriva. No texto, o executivo explica que a decisão foi tomada depois da análise de “todas as mensagens, sugestões, ideias e comentários” que a companhia recebeu em relação a transferir a distribuição para uma entidade independente.

Na prática, isso significa que é melhor entregar a distribuição Mandriva a desenvolvedores voluntários com interesse em mantê-la do que “matá-la” de vez. Na nota, Croset também explicou que a empresa apoiará o trabalho da comunidade no que for preciso, deixando claro que a companhia continuará existindo.

Aparentemente, a Mandriva está adotando uma estratégia semelhante à decisão tomada pela Red Hat em 2003, quando a empresa, decidida a direcionar seus esforços ao segmento corporativo, criou o Fedora Linux para atender aos usuários domésticos, com o diferencial de a distribuição contar com o apoio da comunidade para o seu desenvolvimento e manutenção. Graças a isso, o Fedora existe até os dias de hoje.

15 Flares Twitter 10 Facebook 4 Google+ 1 15 Flares ×




Nenhum comentário

Comentários encerrados.