Wimedia UWB: vem aí o USB sem fio?

Se você acha chato e cansativo ter que conectar sua câmera digital e seu MP3-player via USB ao seu computador toda vez que precisa transferir arquivos, talvez vá gostar da tecnologia Wimedia Ultra Wide Band ou, simplesmente, Wimedia UWB. Por ela, será possível trocar arquivos entre seus dispositivos usando apenas uma conexão sem fio.

O Wimedia UWB vem sendo desenvolvido por nomes de peso, entre eles, Microsoft e Intel. A idéia é permitir a interconexão de dispositivos próximos entre si sem o uso de fios. A velocidade de transmissão de dados é de 480 Mbps em um raio de até 3 metros e 110 Mbps em um raio de até 10 metros. Nada mal, não?

Se a tecnologia Wimedia UWB vingar, os padrões USB e FireWire estarão com os dias contados. Isso porque a velocidade de 480 Mbps é mais do suficiente para transferir dados entre dispositivos de maneira rápida e sem gargalos. Sem contar que a tecnologia pode ser aperfeiçoada para trabalhar com taxas de transferência ainda maiores no futuro.

Recentemente, a tecnologia Wimedia UWB recebeu um selo de aprovação da International Organization for Standardization (ISO) e da European Computer Manufacturers Association (ECMA), o que já é meio caminho andado para a chegada do padrão ao mercado. Todavia, para que a tecnologia Wimedia UWB possa ser vista com confiável pelo indústria, ainda é necessário ganhar a aprovação da Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE), que já negou um pedido de reconhecimento em 2004.

Considero a proposta do Wimedia UWB interessante, mas me pergunto como será feito o controle da conexão entre os dispositivos. Se basta que aparelhos compatíveis estejam próximos para se conectar, teoricamente poderei fazer meu dispositivo se comunicar com o do vizinho e vice-versa. Isso quer dizer que precisamos de um bom padrão de segurança, do contrário, é melhor continuar usando fios mesmo…

Referência: Ars Technica.

Emerson Alecrim





  • Acho um desperdicio ficarem criando novas tecnologias para coisas que não é tão importante. Porque não criar o bluetooth 3.0 ? Aperfeiçoar a técnologia ja existente !

  • Emerson Alecrim

    Porque nem sempre é viável aperfeiçoar uma tecnologia. Dependendo do padrão, há limitações tão complicadas de serem contornadas, que é mais fácil investir em algo novo. Além do mais, há sempre uma disputa de mercado. Uma tecnologia que se torna padrão pode render fortunas a quem detém suas patentes.

  • USB sem fio… nossa. isso é bom.

    A velocidade da USB quebra muitos ganlhos sem fio então..

  • Emerson Alecrim

    Pois é. Para quem, como eu, costuma esquecer o cabo USB quando mais precisa dele, vai ser uma boa.

  • Felipe Buzanovsky

    Uma coisa que fiquei na duvida. No caso de dispositivos tiop iPod ou mp3 player, que carregam a bateria via usb, como sera feito?

  • Emerson Alecrim

    Boa pergunta, Felipe. Eu acredito que esses dispositivos terão que ter alguma base recarregadora, sei lá…