Symantec: 6% das pessoas nunca mudam suas senhas na internet

SenhasA Symantec publicou no final de março (2010) o resultado de um levantamento feito com quase 450 pessoas que mostra a relação delas com as senhas que utilizam na internet. O relatório comprova que esse assunto ainda é um dos principais pontos fracos de qualquer sistema de segurança existente.

Recomenda-se, por exemplo, que as pessoas mudem suas senhas pelo menos a cada três meses. A pesquisa da Symantec, no entanto, revelou que 63% alteram senhas com rara frequência. Mas o pior é o fato de que 6% delas nunca mudam suas combinações e não compreendem a importância disso. Apenas 17% dos entrevistados executam essa tarefa trimestralmente e 9% o fazem anualmente.

O relatório também mostra outras constatações preocupantes, por exemplo: 5% das pessoas usam seu nome do meio como senha; 9% utilizam a data de seu aniversário; 10%, o nome de seu animal de estimação. Combinações sequenciais como “123456” são aplicadas por 5% dos entrevistados, sendo que 3% utilizam a palavra “password” como senha.

O relatório completo da Symantec pode ser acessado aqui. No InfoWester, é possível encontrar orientações para criar senhas seguras neste link.