PROCON-SP divulga nova lista de sites de compras não recomendados

Botão comprar - imagem ilustrativaO PROCON-SP liberou nesta segunda-feira (22/04/2013) uma atualização de sua lista de sites de comércio eletrônico que devem ser evitados pelos consumidores. De acordo com a entidade, 71 novos serviços foram incluídos na relação, aumentando o total de empresas não recomendadas desde 2011, quando a lista foi criada, para 275.

O PROCON inclui em sua “lista negra” sites de vendas pela internet que tenham sido alvo de reclamações ou denúncias e que apresentam irregularidades, como dificuldade de localização de endereço físico para notificação e falta de informações obrigatórias sobre suas operações, problemas que podem inclusive sugerir atividades fraudulentas.

As reclamações registradas contras estas empresas, em sua maioria, se referem a situações já bastante conhecidas pelos consumidores do comércio eletrônico brasileiro: atraso ou ausência de entrega e dificuldade de contato após a venda.

A lista de sites não recomendados pelo PROCON-SP pode ser verificada no seguinte link (em PDF): www.procon.sp.gov.br/pdf/acs_sitenaorecomendados.pdf. Você também pode acessar as dicas sobre compras on-line disponibilizadas aqui no InfoWester.