Google compra Plink, startup especializada em busca visual

Pela segunda vez no mês o Google foi às compras. Na primeira, comprou a Episodic e, desta vez, adquiriu a Plink, um startup do Reino Unido de apenas quatro meses que é especializada em pesquisa visual. A empresa criou um aplicativo para a plataforma Android chamado PlinkArt que permite ao usuário identificar obras de arte por meio de imagens geradas pelo celular, além de compartilhar as informações obtidas.

Aplicativo PlinkArt - Imagem por Plink
Aplicativo PlinkArt – Imagem por Plink

Em apenas um mês, o PlinkArt conquistou cerca de 50 mil usuários. Mas o seu maior mérito foi ter chamado a atenção do Google com tão pouco tempo de existência. A tecnologia da Plink será utilizada no Google Goggles, para quem não se lembra, uma ferramenta, ainda em fase experimental, que permite ao usuário realizar buscas no Android com base em imagens capturadas pelo seu aparelho.

Quanto a isso, Mark Cummins e James Philbin, fundadores da startup, declararam o seguinte: “os sistemas de pesquisa visual de hoje podem fazer muitas coisas bacanas, mas ainda têm um longo caminho para percorrer. Estamos ansiosos para ajudar a equipe do Google a construir um mecanismo de busca visual que trabalhe não somente com pinturas ou capas de livros, mas também com tudo o que você vê ao seu redor”.

Como acontece com a maioria das compras do Google, nenhuma das partes revelou os valores envolvidos no negócio.

Referências: CNET News, PlinkArt Blog.

Um comentário em “Google compra Plink, startup especializada em busca visual”

Os comentários estão fechados.