Anatel: acesso móvel à internet no Brasil continua com desempenho insatisfatório

Modem 3G - imagem ilustrativaA Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou nesta quinta-feira (06/02/2013) os resultados da primeira avaliação trimestral dos planos de melhorias da telefonia móvel exigidos das operadoras. A constatação provavelmente não é novidade para você: pelo menos no que diz respeito às redes de dados, houve pouca evolução.

Para quem não se lembra, a Anatel proibiu as operadores Claro, Oi e TIM de vender novas assinaturas de seus serviços em julho de 2012 por causa do expressivo número de reclamações que todas receberam. Para que a restrição fosse retirada, estas companhias, assim como as prestadoras CTBC, Sercomtel e Vivo, se comprometeram a apresentar e cumprir um plano de melhorias em seus serviços.

O relatório mostra que, nos meses considerados – agosto, setembro e outubro de 2012 –, as operadoras superaram metas referentes aos serviços de voz, mas não conseguiram ter o mesmo desempenho em relação às rede de dados, que incluem recursos de SMS e planos 3G: o indicador de qualidade esperado era de 98%, mas a média ficou em 96%.

Tendo recebido a pior avaliação neste aspecto – 95% –, a Vivo se manifestou afirmando que superou sim as metas pretendidas e que o resultado insatisfatório divulgado pela Anatel se deve ao fato de a entidade ter superestimado as tentativas de acesso via tecnologias 2G, que comprometem a experiência do usuário, na sua visão.

Os resultados da análise estão disponíveis no site da Anatel.

Um comentário em “Anatel: acesso móvel à internet no Brasil continua com desempenho insatisfatório”

  1. NAO SEI ONDE MELHOROU,POIS TRABALHO EM UM CALL CENTER DA TIM E PARECE TER PIORADO.
    CADA DIA QUE PASSA RECEBEMOS MAIS RECLAMAÇOES
    E O SERVIÇO PARECE PIORAR A CADA DIA,O SERVIÇO DE INTERNET É OQUE RECEBE MAIS RECLAMAÇOES.

Os comentários estão fechados.