Apple: Zune não é uma ameaça

Steve Jobs, o “todo-poderoso” da Apple, respondeu recentemente em uma entrevista ao Newsweek, se estava preocupado com o Zune, tocador de áudio e vídeo a ser lançado pela Microsoft para concorrer com a linha iPod: “em uma só palavra, não”.

Jobs afirma ter visto vídeos na internet demonstrando o funcionamento de um dos recursos mais chamativos (e polêmicos) do Zune, o compartilhamento de arquivos de áudio via conexão WiFi. Segundo o executivo, o processo todo “demora uma eternidade”. Embora isso não pareça problema para alguns, vale lembrar que o arquivo transferido só poderá ser tocado no Zune receptor apenas três vezes.

Divulgação

Não tenho grandes expectativas em relação ao Zune, mas só saberemos o que vai acontecer realmente quando o dispositivo for lançado – isso está previsto para acontecer em novembro (2006). Em todo caso, embora Steve Jobs tenha afirmado não estar preocupado com o futuro concorrente do iPod, não creio que ele tenha visto vídeos sobre o Zune apenas por curiosidade…

Por ora, Jobs tem que se preocupar com outra coisa: foi constatado recentemente que alguns aparelhos da linha iPod Video foram lançados com o vírus RavMonE.exe, que afeta apenas o Windows. Para uma empresa do porte da Apple, isso é uma verdadeira gafe e um desrespeito ao usuário. Mais informações sobre isso nesta página.

Referência: TechSpot.

Emerson Alecrim