Japoneses trabalham em fones que podem alternar entre os canais esquerdo e direito

Ao utilizar fones de ouvido, você certamente sabe que, se encaixar o canal esquerdo na orelha da direita e vice-versa, o som não terá a mesma qualidade. Diante disso, você sempre procura identificar os lados corretos antes de utilizar o dispositivo. Este “ritual”, no entanto, poderá ser coisa do passado: pesquisadores do Igarashi Design Interface Project, no Japão, estão trabalhando no projeto Universal Earphones, fones que podem alternar entre os canais automaticamente.

Funciona assim: quando o usuário leva o fone ao ouvido, um sensor identifica a aproximação (em distâncias menores ou iguais a 30 mm) e, com isso, entende que este é o lado direito, se ajustando a ele. No entanto, ao aproximar o fone do ouvido esquerdo, o sensor fica “de costas” para o usuário, fazendo com que não haja identificação da aproximação. O fone então saberá que este é o lado esquerdo.

Fones “inteligentes” – Imagem por Engadget

Além de livrar o usuário da tarefa de identificar os lados dos fones do ouvido, esta característica também permite que duas pessoas possam compartilhar o dispositivo ao mesmo tempo, cada uma com um dos fones. Desta forma, se ambas as pessoas utilizarem o ouvido direito, por exemplo, os dois fones assumirão este lado, fazendo com que o áudio seja reproduzido devidamente para as duas pessoas.

Estes fones “inteligentes” também são capazes de perceber quando o usuário os remove e, com isso, podem pausar automaticamente a reprodução de uma música, por exemplo.

Link do vídeo: vimeo.com/36062219

O problema é que a novidade ainda está em fase de desenvolvimento e não há informação de quando chegará ao mercado. Mas os pesquisadores deixaram claro que a implementação dos sensores não é complexa, portanto, fones do tipo não deverão ter preços muito elevados por conta da referida característica.

Mais informações em www.designinterface.jp/en/projects/UniversalEarphones (página em inglês).

Referência: Engadget.





Nenhum comentário

Comentários encerrados.