Game of Thrones é uma das séries mais pirateadas do ano

8 Flares 8 Flares ×

Game of ThronesA segunda temporada de Game of Thrones estreou no mês passado (abril de 2012), mas já obteve tantos downloads, que está fazendo a série ser considerada uma das mais pirateadas do ano. De acordo com uma análise publicada pela Forbes, a culpa pode ser da própria HBO, canal responsável pela produção do seriado.

O problema é que, ao contrário de outras séries, Game of Thrones só está sendo exibido nos canais da HBO. Não é possível, pelo menos até o momento, assistir aos episódios em serviços de streaming, como Netflix ou Hulu. Na internet, a única opção existente é o site HBO Go, mas este serviço só pode ser utilizado por quem é assinante de determinados planos de TV por assinatura.

Além disso, a primeira temporada foi lançada em DVD e Blu-ray apenas recentemente. Isso somente acontecerá com a segunda temporada após o seu encerramento, obviamente. Ainda há o agravante de os lançamentos em mídias normalmente demorarem mais para acontecer em localidades fora dos Estados Unidos.

Em resumo, o esforço da HBO para fazer com que Game of Thrones seja o mais exclusivo possível é um “feitiço que está virando contra o feiticeiro”. Na ausência de opções mais acessíveis, tanto em termos de custo quanto de praticidade, muitos usuários estão preferindo ter acesso aos episódios por meio de torrents e afins.

Em relação a este aspecto, a Netflix divulgou uma nota onde explica o fato de não disponibilizar determinadas produções, por mais aclamadas que sejam:

(…) Canais premium por assinatura, como HBO e Showtime, também estão retendo suas séries mais populares, incluindo Games of Thrones e Dexter, porque estão preocupados com a perda de assinantes caso este conteúdo fique disponível de maneira mais barata em serviços como a Netflix.

Segundo a Big Champagne, empresa especializada em monitoramento e análises de mercado, a segunda temporada de Game of Thrones ultrapassou a marca de 25 milhões de downloads apenas via BitTorrent.

Referências: Forbes, TorrentFreak.

8 Flares Twitter 4 Facebook 3 Google+ 1 8 Flares ×




Nenhum comentário

Comentários encerrados.