WWDC 2012: Apple renova linha MacBook e anuncia nova versão do iOS

Hoje (11/06/2012) é o primeiro dia da edição 2012 da WWDC, evento para desenvolvedores promovido anualmente pela Apple. Como de costume, a companhia aproveitou a ocasião para fazer anúncios importantes em relação às suas linhas de produtos. A bola da vez são os portáteis MacBook, que acabam de ganhar novas versões. E que versões!

MacBook Pro

Comecemos com o novo MacBook Pro. Com tela de 15,4 polegadas e a impressionante resolução de 2.880 x 1800 pixels, o modelo se destaca por ser tão fino quanto o MacBook Air (que também foi atualizado, como você verá mais à frente) – 1,8 cm, aproximadamente – e por, confirmando os rumores, incorporar a tecnologia Retina Display, que aumenta sensivelmente a qualidade da imagem na tela graças à densidade de 220 pixels por polegada.

Novo MacBook Pro – fininho e poderoso (Imagem por Apple)

Novo MacBook Pro – fininho e poderoso (Imagem por Apple)

O novo MacBook Pro pode ser equipado com a nova geração dos processadores Intel Core i5 ou Core i7 de até 2,7 GHz e contar com até 16 GB de memória RAM. A parte gráfica é de responsabilidade da GPU NVIDIA GeForce GT 650M, com 512 MB ou 1 GB de memória. Para o armazenamento de dados, mais uma surpresa: o equipamento pode contar com até 768 GB de capacidade com SSD.

No mais, o novo e finíssimo MacBook Pro conta com duas portas USB 3.0, duas portas Thunderbolt, uma conexão HDMI, leitor de cartões SD, webcam FaceTime HD, bateria com autonomia de sete horas, além de Bluetooth 4.0 e Wi-Fi 802.11n. O preço inicial do portátil é de 2.199 dólares nos Estados Unidos e de “simplórios” 9.999 reais no Brasil.

A Apple também preparou novas versões de seu MacBook Pro “convencional”, com espessura com cerca de 2,4 cm: estes também contam com tela de 15,4 polegadas, mas possuem resolução de 1.440 x 900 pixels e não utilizam Retina Display. Além disso, podem ser equipados com até 8 GB de RAM, 750 GB de HD e processador Intel Core i7 de até 2,6 GHz. Seu preço inicial é de 1.799 dólares nos Estados Unidos e 7.999 reais no Brasil (se o meu bolso tivesse coração, já teria infartado).

Macbook Air

Como já mencionado, o MacBook Air também foi renovado. Não há novidades em termos de tamanho – a linha continua tendo versões com tela de 11 e 13 polegadas –, mas agora os modelos podem contar com até 256 GB de SSD (128 GB nas versões de 11 polegadas), processador Intel Core i5 ou Core i7, até 8 GB de memória DDR3 e chip gráfico Intel HD Graphics 4000.

Linha MacBook Air (Imagem por Apple)

Linha MacBook Air (Imagem por Apple)

Os novos MacBook Air também oferecem duas portas USB 3.0, uma porta Thunderbolt, uma conexão HDMI, leitor de cartões SD (exceto na versão de 11 polegadas), webcam FaceTime HD, bateria com autonomia de sete horas (cinco no modelo menor), além de Bluetooth 4.0 e Wi-Fi 802.11n. O preço inicial do MacBook Air nos Estados Unidos é de 999 dólares para a versão de 11 polegadas e 1.199 dólares para o modelo com tela de 13 polegadas. No Brasil, estes valores pulam para 3.699 reais e 4.999 reais, respectivamente.

OS X Mountain Lion

Todos estes modelos poderão contar com a nova versão do sistema operacional OS X, cujo codinome é Mountain Lion. Não há novidades “revolucionárias” aqui, mas o software oferece novidades interessantes, como: maior integração com o serviço nas nuvens iCloud; nova versão do navegador Safari; a funcionalidade Power Nap, que atualiza o computador quanto este estiver ocioso; o recurso Dictation, que transcreve tudo o que o usuário fala (mas não interage via perguntas, tal como o Siri o faz), entre outros.

O OS X Mountain Lion estará disponível em julho de 2012. Qualquer Mac novo adquirido a partir de hoje (11/06/2012) em revendas autorizadas poderá contar com o upgrade gratuito para o novo sistema. Para os demais casos, será possível comprar o Mountain Lion por 19,99 dólares.

iOS 6

O sistema operacional do iPhone e do iPad também foi renovado e ganhou mais de 200 novas funcionalidades, segundo a Apple. De nome iOS 6, a novidade tem entre seus principais recursos uma atualização do Siri que o deixa apto a responder a muito mais perguntas e a executar mais comandos. O Siri também conta com suporte a novos idiomas, entre eles, espanhol e italiano, mas nada de português…

Merece destaque a confirmação de outro rumor: o novo iOS não utiliza mais o Google Maps como base para a sua aplicação de mapas, mas ainda assim é capaz de exibir informações do trânsito, traçar rotas e até mostrar imagens em 3D.

Nada de Google na nova ferramenta de mapas (Imagem por Apple)

Nada de Google na nova ferramenta de mapas (Imagem por Apple)

Em fase beta a partir de hoje, o iOS 6 terá compatibilidade com os seguintes produtos:

  • iPhone a partir da versão 3GS;
  • iPad a versão da versão 2;
  • iPod touch a partir da quarta geração.

* * *

Para mais informações sobre estas novidades, visite o site da Apple – www.apple.com/br.

Emerson Alecrim





Nenhum comentário

Comentários encerrados.