Toyota apresenta Fun-Vii, o “carro-smartphone”

A japonesa Toyota iniciou esta semana com uma apresentação pra lá de inusitada: o carro 100% elétrico e exageradamente futurista Fun-Vii (Fun-Vehicle interactive internet), que foi apelidado pela própria companhia de “carro smartphone”.

Fun-Vii – Imagem por Toyota

Fun-Vii – Imagem por Toyota

Este apelido se deve ao fato de o veículo lembrar os recursos presentes nos telefones celulares mais avançados (acho que é uma comparação infeliz, mas…). Para começar, o usuário pode dar comandos ao Fun-Vii utilizando seus painéis sensíveis ao toque, que recobrem quase todo o interior e o exterior do carro. Estes painéis são como telas LCD ou Plasma: além de tátil, podem exibir informações, permitindo ao automóvel mudar de cor ou mostrar informes publicitários, por exemplo.

O Fun-Vii foi desenhado para permanecer conectado à internet o tempo todo. Assim, o usuário pode acessar e-mails, conversar com outras pessoas ou obter qualquer conteúdo da Web por meio do próprio carro. Além de painéis, a interação com o veículo também pode ser feita com projeções tridimensionais em seu interior. Como se não bastasse, também é possível acionar determinadas funcionalidades do carro de maneira remota, a partir de um smartphone.

A ideia é a de fazer uma demonstração tecnológica, portanto, as chances de o Fun-Vii ser lançado são praticamente nulas. De qualquer forma, a Toyota irá colocar um protótipo do veículo (visivelmente mais limitado que nas demonstrações digitais) em exposição na Tokyo Motor Show 2011, feira de automóveis que acontece entre 03 e 11 de dezembro em Tóquio, no Japão.

Para quem não vai ao evento (alguém vai?), é possível ver uma apresentação do Fun-Vii no vídeo abaixo:

Será que os carros do futuro serão mesmo assim? Aposto que não: é tanta informação exibida pelo carro que ele acaba perdendo o foco principal, que é transportar pessoas. Eu, ao menos, acho que teria dores de cabeça dentro dele. De qualquer forma, somente os nosso tataranetos é que terão a resposta 😀

Referência: CNET News.

Emerson Alecrim





  • Arildo A Cardarelli

    Saber da preocupação da Toyota em vislumbrar um possível automóvel com todas as possíveis informações para ser “pilotado” inclue uma idéa de que muitas dessas funções serão computadorisadas e que o trafegar nesse veículo será algo miuito confortável e seguro, uma experiência nova para os atuais terráqueos mas nossos descendentes daquí à várias gerações irão achar muito natural, naturalmente…