Pagestacker: para gerenciar os seus links favoritos

Para a maioria das pessoas que não se limitam a utilizar a internet exclusivamente para a combinação Orkut + Windows Live Messenger + Fotolog, guardar e, muitas vezes, compartilhar endereços de páginas e sites importantes é uma necessidade real. É por isso que um monte de pessoas em todo o mundo utiliza o Delicious (inclusive eu). No entanto, durante o BlogCampSP, evento que aconteceu no final de agosto de 2008, conheci um serviço brasileiro que não faz feio quando o assunto é armazenamento e compartilhamento de links: o Pagestacker, que atualmente está disponível em português e inglês.

Depois de fazer seu cadastro e de se logar no Pagestacker, possivelmente você reparará na leveza do site e no seu visual sóbrio e sem poluição. Eu gosto disso, tanto é que o InfoWester também é assim. Para começar a salvar os seus links no serviço, basta ir à barra superior do site, clicar em Guardar nova página, informar o endereço correspondente e, depois, inserir uma descrição. Coisa rápida e sem complicação.

Tela do Pagestacker
Interface do Pagestacker

Ah, se você já tiver uma coleção de links no Delicious ou mesmo em seu navegador, poderá exportá-la facilmente para o Pagestacker. Para isso, clique em Configurações e vá em Importar. Depois, é só seguir as orientações que forem mostradas. Se você quiser ter uma cópia dos seus links em seu computador, o caminho é o mesmo, bastando clicar em Exportar ao invés de Importar.

Para ver os links já guardados, basta clicar em Minhas páginas. Neste ponto, gostei da possibilidade de utilizar um calendário exibido no topo da página para encontrar páginas guardadas de acordo com a data.

Por outro lado, não gostei da impossibilidade de guardar links através de tags ou categorias. Se bem que esse recurso não chega, exatamente, a ser necessário. Explico: se você utilizar o campo de busca do Pagestacker, o serviço exibirá aquelas entre as páginas cadastradas que têm a palavra chave pesquisada em algum lugar. E, se você não conseguir achar nada nos links que guardou, poderá pesquisar nas páginas que foram guardadas por outros usuários (note, no entanto, que você não saberá quem as guardou). Para isso, basta clicar na aba Pagestacker, na página de resultados da busca.

Busca de links no Pagestacker
Busca de links no Pagestacker

Aliás, se você quiser ter uma noção do que os demais usuários do Pagestacker estão guardando, basta clicar em Páginas ou Sites, na barra superior do serviço, para ver os links mais populares nas últimas 24 horas, na última semana, no último mês ou, por fim, no último ano.

E se você tem um site ou um blog, poderá inserir nele botões ou caixas de pesquisa do Pagestacker. Assim, um usuário do serviço poderá guardar facilmente o seu site/blog entre os seus links favoritos. E esse também é um ponto bacana: uma vez que alguém tenha adicionado o seu site, um canal é criado para ele (este é o canal do InfoWester). Se você tiver uma conta no Pagestacker, poderá administrar, acompanhar e personalizar esse canal, bastando para isso inserir um código em seu site para provar que ele é, de fato, seu.

Bom, e ainda há outros recursos que não citei aqui. De forma geral, gostei do Pagestacker. Lhe faltam algumas coisas – um sistema de ajuda mais detalhado e a opção de tags, por exemplo -, mas são itens que poderão ser implementados com o tempo.

Ele é melhor ou pior que o Delicious? Na minha opinião, não é uma coisa nem outra, é simplesmente um serviço diferente, com uma proposta diferente. Durante o BlogCampSP, conversei com o pessoal responsável e vi que se trata mesmo de um projeto sério e com potencial, portanto, não poderia deixar de falar sobre o Pagestacker aqui. Espero que você, assim como eu, tenha gostado da dica 🙂

Emerson Alecrim





  • O problema maior é que não existe extensão para o Firefox, o que facilita bastante a vida de quem gosta de guardar um monte de link.

  • Tudo bem Tiago?

    Na verdade, o Pagestacker tem sim uma extensão para o Firefox. =)

    Você pode encontrá-la no link abaixo.

    http://www.pagestacker.com/br/tools/browser

    Por outro lado, se você não conseguiu encontrá-la facilmente, a falha foi nossa por não termos dado o devido destaque a ela.

    Já estamos trabalhando nisso.

    Além disso, temos também um bookmarklet, que tem funcionalidade similar à da extensão, disponível em versões para vários navegadores diferentes (você pode vê-lo no mesmo link acima).

    Abraço.

  • @Mario,

    ufa!! Agora sim posso utilizar como eu queria. Realmente, fiquei um pouco perdido para encontrar, na verdade eu não encontrei, por isso achei estranho.

    Mas ai, gostei do Pagestacker e vou usar por uma semana, pra ver se vale a pena utilizar 100%.

    Sucesso pra vcs.

  • A propósito, valeu Emerson pelo post bem pesquisado! =)

    Suas críticas também estão anotadas e já estamos trabalhando nas questões de que elas tratam.

    Abraço!

  • Emerson Alecrim

    Tiago, também acho importante uma integração com o Firefox (ou com qualquer navegador do usuário). É uma maneira de aumentar a produtividade. Ainda bem que você levantou essa questão, pois eu não tinha dado muito atenção a ela 🙂

    Mario, de nada. O projeto de vocês é muito interessante e torço para que faça o merecido sucesso 😉

  • muito legal, bacana mesmo
    parabens.