Microsoft seguirá passos do Google com “Live Book Search”

Quando o Google anunciou seu serviço Book Search, muita gente achou a idéia excelente (inclusive eu), enquanto algumas editoras entraram em pânico. Com uns acertos aqui e umas explicações ali, o Google conseguiu resolver a maioria dos problemas de forma satisfatória. Tendo como bagagem as experiências do maior mecanismo de busca do mundo, a Microsoft decidiu lançar um serviço concorrente para o início de 2007: o Live Book Search.

Para pôr a idéia em prática, a empresa de Bill Gates contratou uma firma de nome Kirtas Technologies para digitalizar milhares de livros. Um representante afirmou que a companhia é capaz de escanear cerca de 2.400 páginas por hora, o que equivale a um livro digitalizado a cada 8 minutos. Nada mal!

Enquanto esse trabalho é feito, a Microsoft cuida de acordos para não enfrentar possíveis processos judiciais. Negociações já foram feitas com várias universidades americanas e com a Biblioteca Britânica, por exemplo. Dessa forma, diversos títulos dessas instituições já estarão disponíveis no lançamento do Live Book Search.

O Google Books Search se mostra como uma ferramenta poderosa, principalmente a estudantes e pesquisadores. Sua aceitação é satisfatória, portanto, não é de se surpreender que a Microsoft também queira explorar esse nicho. Só resta saber qual serviço se sobressairá. Nesse ponto, a quantidade de obras disponibilizadas pode fazer a diferença.

Referência: IBL News.

Emerson Alecrim





  • Michel Padro

    Pena que no Google Book não da para encontrar livros brasileiros na mesma quantidade que os livros em inglês…