HTC Ultimate: é o Windows Phone 7.5 chegando ao Brasil

Demorou, mas finalmente o Windows Phone 7.5 (outrora apelidado de “Mango”) chegou de maneira oficial ao Brasil. Hoje (20/10/2011), em São Paulo – SP, foi anunciado o smartphone HTC Ultimate, o primeiro do país a contar com esta plataforma. Se é o primeiro de muitos, ninguém sabe, mas não há dúvidas de que se trata de um aparelho capaz de brigar firme com o iPhone e smartphones Android mais recentes.

HTC Ultimate (divulgação)

HTC Ultimate (divulgação)

A primeira coisa que chama a atenção no HTC Ultimate é a sua gigantesca tela: 4,7 polegadas com resolução de 480×800 pixels. Pode não parecer muito, mas o Windows Phone 7.5 funciona perfeitamente bem nela. O componente não conta com Gorilla Glass, tecnologia que deixa a tela mais resistente, no entanto, de acordo com a HTC, tem proteção para diminuir as chances de danos.

Os demais itens do hardware não decepcionam:

  • Processador Qualcomm Snapdragon de 1,5 GHz (no Brasil, o padrão atual é 1 GHz);
  • 512 MB de memória RAM;
  • 16 GB para armazenamento interno de dados (expansível com cartões microSD);
  • Câmera traseira com 8 megapixels, LED duplo e sensor BSI para melhor captura em ambientes pouco iluminados;
  • Câmera frontal de 1,3 megapixels;
  • Bateria de 1.600 mAh.

A conectividade está dentro do esperado: Wi-Fi 802.11n, Bluetooth 2.1, 3G, A-GPS e micro-USB. Não há, no entanto, a cada vez mais famosa tecnologia NFC (Near field communication), que permite ao usuário compartilhar dados com outro aparelho simplesmente aproximando ambos os dispositivos.

Visualmente, o aparelho é bonito e bem acabado. Mas o que chama mesmo a atenção é o fato de ser bastante fino: sua espessura é de 9,9 milímetros. Olhando-o, tem-se a impressão de que o HTC Ultimate é pesadão, mas não chega a tanto: possui 160 gramas, considerando a bateria.

Mais fotos:

www.flickr.com/photos/ealecrim/sets/72157627940787698

O resto é responsabilidade do Windows Phone 7.5. Trata-se, de fato, de um sistema operacional bonito, fácil de se usar e dotado de recursos muito interessantes. Se é melhor ou pior que o Android ou o iOS são outros quinhentos, mas a integração com a rede Xbox LIVE, o Office 365, as ferramentas de acesso às redes sociais, os aplicativos de áudio e vídeo, entre outros, se destacam bastante.

Um vídeo do HTC Ultimate em ação:

www.youtube.com/watch?v=QsSKlB0476k

Só é uma pena o fato de, pelo menos no momento, não ser possível aproveitar todo o potencial do Windows Phone: as ferramentas do Bing, por exemplo, que estão integradas ao sistema, não funcionam plenamente no Brasil, e não há previsão para que isso melhore (para a felicidade do Google).

Agora vem o verdadeiro “balde de água fria”: o preço (pra variar). O HTC Ultimate está sendo lançado, inicialmente, pela Vivo. Seu valor em um plano pré-pago é de 1.799 reais. Em planos pós-pagos custa menos: o pacote mostrado pela operadora faz o aparelho custar 10 parcelas de 114,90 reais mais 111 reais de mensalidade, com franquia de 100 minutos de ligação e míseros 50 MB de internet.

Mais informações no site da HTC.

Emerson Alecrim





  • Prefiro pegar o HTC HD7 importado a 1000 reais! A mesma coisa, só com o Snapdragon operando a 1.2GHZ!