blinkx Brasil: programas de TV no seu computador

Quando o pessoal da Elo Company entrou em contato comigo para apresentar a Blinkx Brasil, pensei que se tratava de um programa que exibia conteúdo de TVs pagas e abertas no computador, mas logo vi que estava enganado. O blinkx Brasil é um serviço de TV, sim, só que exibe sua própria programação, com a diferença de que você pode escolher quando e qual conteúdo assistir (algo no estilo de Joost).

Para utilizar o serviço, o primeiro passo é visitar o site da blinkx Brasil e fazer download do software, que é gratuito. Infelizmente, não há versões para Mac OS e para Linux, somente para Windows. Depois de instalado, basta abrir o programa e selecionar uma das categorias disponíveis (esporte, gastronomia, música, cinema, entre outros). Dentro de cada um desses canais, há sub-canais e, finalmente, os programas. É só clicar em um e começar a assistir. É claro que é recomendável ter uma boa conexão em banda larga para a transmissão ocorrer sem gargalos.

Por enquanto, não há muito conteúdo disponível, mesmo porque o blinkx Brasil ainda está em estágio beta. Toda a programação atual é essencialmente brasileira, mas conteúdo estrangeiro deve ser inserido em breve. A qualidade das imagens, em geral, é boa – mas não chega a ser excepcional – e é possível ver qualquer vídeo em tela cheia. O único problema grave que encontrei é a falta de sincronismo entre o áudio e as imagens de alguns filmes. Uma falha estranha, e que não existe nos outros programas que vi, como os shows musicais.


Biquini Cavadão no blinkx Brasil – sim, eles traduzem a letra 🙂

O blinkx Brasil é fruto de uma parceria entre a blinkx e a Elo Company. A blinkx é bastante conhecida internacionalmente por ter criado um sofisticado sistema de buscas de vídeo e conta, atualmente, com dezenas de parceiros de conteúdo, como Reuters, HBO e CBS. Isso deixa claro que a proposta do blinkx Brasil é diferente, já que o seu objetivo é oferecer conteúdo direto e alinhado com as preferências dos brasileiros.

De forma geral, aprovei o blinkx Brasil, só não gostei do serviço não ser multiplataforma (se os programas fossem transmitidos em um site seria melhor, não?). Em casa, quase sempre uso Linux, somente no trabalho é que uso Windows, mas ver vídeos na empresa não rola. Tirando esse entrave, o serviço é bom e o conteúdo oferecido não decepciona, se mostrando como uma opção interessante para quem procura algo diferente para assistir. Por outro lado, a quantidade de vídeos disponíveis ainda não é grande, mas como o serviço está em estágio beta, muita coisa nova deve estar por vir. Assim espero 🙂

Para mais detalhes sobre o blinkx Brasil, acesse sua página oficial.

Emerson Alecrim

ps: antes que algum infeliz diga algo, não, o pessoal da blinkx Brasil não me pagou para escrever esse texto.





  • Estava sentindo falta de algo focado no Brasil. Temos produções artistícas muito boas, mas muitas vezes inacessíveis. Se o Blinkx receber conteúdo brasileiro regularmente, vai ganhar um usuário fiel.

    Abraços, senhor Alecrim.

  • Zé Ricardo

    O problema do conteudo e’ a necessidade de comprar os direitos de exibicao. Eles precisam arranjar alguma forma de ter lucro para conseguir dinheiro para isso e tambem para fazer o programa ficar conhecido.